OUTSOURCING: A SOLUÇÃO PARA OS DEPARTAMENTOS DE MARKETING

outsourcing tem se mostrado a solução ideal para os times de Marketing que precisam melhorar a eficiência das entregas e, ao mesmo tempo, reduzir custos operacionais. Aliás, o que tem feito esses times estarem sob pressão é o crescimento do Marketing Digital. Por isso, é uma ótima ideia para o CMO apostar no outsourcing para a produção e a gestão de projetos. Vamos entender como.

OS DESAFIOS DOS DEPARTAMENTOS DE MARKETING

A demanda para os departamentos de Marketing aumentou vertiginosamente nos últimos tempos, sobretudo devido à crescente prática de investimentos em ações de Marketing Digital. Veja abaixo o crescimento dos gastos em publicidade na internet.

Também é interessante analisar, no gráfico acima, como o investimento em propaganda para mobile cresceu mais que para desktop ao longo dos anos.

Os números apontam que as tendências digitais estão em constante transformação, o que, por sua vez, exige expertises cada vez mais diversas dos profissionais na ponta da produção.

Assim, além de produzir em qualidade, os profissionais precisam entregar em grande volume e diversidade. No entanto, o orçamento nem sempre acompanha o aumento dessa demanda, dificultando a contratação de novos talentos.

Mas existe uma solução: o outsourcing.

PRODUÇÃO IN HOUSE X OUTSOURCING

A produção in house pode ser viável ou não, a depender de cada empresa. Por outro lado, independente de qualquer situação, o outsourcing é uma boa alternativa. Observe cada aspecto dessas formas de produção e analise qual a melhor para o seu negócio.

Produção In House

Contar com um departamento de Marketing robusto onde se concentra toda a produção, à primeira vista, parece ser a solução ideal. No entanto, ela é, em diversos aspectos, extremamente ineficiente para as empresas.

Vantagens

Centralizar a produção “dentro de casa” soa como a melhor solução, sobretudo porque, assim, pode parecer mais fácil garantir a fidelidade e a qualidade da comunicação. O que, em muitos casos, é verdade. 

Mas, a que custo?

Desvantagens

Empregar diversos profissionais para execução pode se tornar um grande pesadelo. Há de se levar em conta que cada novo funcionário traz consigo uma carga de contratos trabalhistas e responsabilidades legais custosas – como o 13º salário, férias remuneradas, seguros de saúde, custos de abstenção por doença, dias livres permitidos por lei etc – que, se somados, tornam todo o processo oneroso. 

Um outro aspecto é que o salário é um custo fixo, independente da produtividade do funcionário. Isso é desvantajoso, pois um funcionário recebe por dia, em média por 8 horas de trabalho, mas não produz 100% do tempo. Ao contrário.

Uma pesquisa da Workfront, empresa americana de softwares, apontou que seus funcionários passavam, no máximo, 39% do expediente produzindo, de fato. O estudo apontou, ainda, que os principais fatores dessa baixa produtividade eram as reuniões, excesso de tempo lendo e-mails e a própria procrastinação.

Outro estudo relevante realizado com mais de 1900 pessoas foi feito pela VoucherCloud, maior empresa de cupons e descontos do Reino Unido. As respostas apontaram que esses profissionais produzem, dentro de um dia de trabalho, cerca de 2 horas e 53 minutos!

Em outras palavras, há mais prejuízo que vantagens!

Aliás, hoje há um grande déficit em profissionais da área de Tecnologia. De acordo com pesquisa realizada pela The App Association, há 223.000 vagas de emprego abertas para desenvolvedores de software somente nos EUA. Para agravar este quadro, as universidades e faculdades têm formado, por ano, somente 30.000 novos cientistas da computação. A expectativa, portanto, é que se chegue em 2020 com nada menos que um milhão de vagas abertas em programação.

Isso, somado ao fato de que as gerações mais novas tendem a ficar cada vez menos tempo no mesmo emprego, reforça a necessidade de que centralizar a produção In House não é a melhor solução.

Por outro lado, temos uma boa notícia: este é um problema com prazo contado e você não precisa mais sofrer com ele.

Outsourcing

Contar com a expertise de empresas terceirizadas é a solução que os times de Marketing das empresas precisam desesperadamente. 

A Forbes apontou a terceirização como tendência para que os negócios sejam mais dinâmicos e produtivos. Em entrevista à revista, o especialista em Marketing, Erik Huberman, disse que “ao lançar um negócio, é fundamental focar naquilo em que você é bom; apegar-se à sua competência central é uma necessidade absoluta.”

As empresas que desejam dar este passo rumo ao crescimento e cuidar de seu core business necessitam, somente, de um responsável que entenda da estratégia de Marketing da organização, que faça a curadoria do material e que oriente os trabalhos.

Entenda mais.

Vantagens

Hoje, como nunca antes, é possível externalizar a produção em larga escala sem perda de qualidade dos serviços e à preço fixo. E isso não se limita às pequenas empresas. 

A título de exemplo, as produtoras audiovisuais, operam com elevados índices de terceirizados, sendo que, no setor, o percentual de contratados freelancers ultrapassa os 90%.

Através do outsourcing, uma empresa:

  • expande sua capacidade de produção interna, complementando o time com novo expertise;
  • conquista vantagens competitivas sobre seus concorrentes, pois se adapta a uma tendência que vem se tornando cada vez mais forte e
  • reduz custos operacionais dispensáveis.

Desvantagens

Uma grande preocupação no outsourcing é o risco de se comprometer do branding da empresa. Isso porque, quando a produção é descentralizada sem uma gestão eficiente, existe a possibilidade de uso indevido da marca. Além disso, o resultado das entregas pode não ser o esperado, causando desgastes e atrasos no projeto.

Outra dificuldade na terceirização é a perda de um profissional durante o projeto, que, na maioria das vezes, detém todo o conhecimento sobre o cliente e os serviços. Isso faz com que o time de Marketing tenha de voltar à “estaca zero”, prejudicando o prazo.

Muitos departamentos de Marketing apostam em deixar seus serviços nas mãos das agências. Mas, esta é a melhor solução?

Uma pesquisa realizada pela Resultados Digitais em parceria com Rock Content, com centenas de agências digitais, apontou que 33,6% trabalham com uma equipe enxuta, de 2 a 5 funcionários. 

O estudo mostrou, ainda, que das principais dificuldades enfrentadas:

  • 34,7% das agências afirmaram ser a contratação de profissionais qualificados;
  • 22,2% a produtividade e
  • 19,4% entregas e prazos das equipes.

O resultado disso é uma entrega abaixo da qualidade esperada em prazos não satisfatórios. Fica claro, portanto, que o antigo modelo de centralização da produção não dá mais conta do recado e que as agências de Marketing também não conseguem atender as expectativas.

E agora?

AFINAL, COMO TERCEIRIZAR E RECEBER UMA ENTREGA DE QUALIDADE EM PRAZO COMPETITIVO?

Existe sim uma fórmula que permite optar pelo outsourcing e receber o que se espera no prazo desejado.

O primeiro passo para isso é estruturar um departamento de Marketing que esteja organizado e focado na estratégia, de forma a conseguir terceirizar os serviços ordenadamente.

Portanto, para receber o resultado de acordo com suas expectativas, siga os seguintes passos:

1- Faça um briefing completo, mas seja específico. 

Tudo o que você precisa responder se resume a: 

  • como o job deve ser feito;
  • quem é a sua empresa; 
  • qual seu público-alvo; 
  • que resultado deseja obter com o job; 
  • como a peça deve atingir o seu público e 
  • que prazo melhor lhe atende. 

Você também deve definir suas prioridades, budget e listar as referências.

2- Faça checkpoints diários

Crie uma rotina de checkpoint diário entre o gerente de projetos e os colaboradores, com validações intermediárias, antes de finalizar o projeto. Programe os prazos dessas entregas, das revisões e atente-se ao controle de qualidade.

3- Defina seu budget

É preciso ter em mente que o produto que você espera receber vai depender de alguns fatores, eles são: a complexidade do job e o tempo de execução a ser despendido. Se você precisa de um job muito complexo em curto prazo, certamente pagará mais por ele. 

Por outro lado, ele pode ter um preço mais baixo se for mais simples e com prazo mais amplo. Quer ter uma ideia melhor de como precificar e se vale a pena terceirizar? Basta analisar o preço de mercado do job em relação à urgência da entrega e seu custo interno de produção.

Nesse sentido, o ideal é buscar empresas que trabalhem a custo e prazo fixo.

4- Evite que a perda de um profissional durante um projeto se torne um pesadelo

Centralize todas as entregas e a comunicação nas mão de um gerente de projetos que possa controlar os prazos e a qualidade de cada entrega. Caso o profissional contratado não esteja atendendo siga esta “dica de ouro”: tenha, ao menos, dois profissionais dedicados ao projeto.

De fato, o que garante a entrega de projetos com qualidade é um bom gerenciamento. E o segredo dele é o controle absoluto de todas as etapas de produção e revisão constante de tudo o que está sendo entregue. 

No entanto, antes de colocar a “mão na massa”, é preciso pontuar que a dinâmica de uma equipe é o que garante um bom trabalho. 

Nesse sentido, os profissionais envolvidos devem ser referências em suas habilidades técnicas, ter perfis complementares para desenvolver o produto em questão e estar sob constante supervisão do gestor.

São muitos os detalhes para gerir e garantir que o melhor resultado esteja garantido, certo?

Por isso, não basta terceirizar. Ao invés de apostar em uma agência de modelo tradicional, conte com a Fastdezine. Somos uma plataforma online, que trabalha sob-demanda, entregando projetos de design e desenvolvimento, com preço pré-acordado e garantia de entrega de qualidade dentro do prazo e com volume, se necessário.

FASTDEZINE: QUALIDADE COM PRAZO ENXUTO E CUSTO ACESSÍVEL

Um time de profissionais qualificados prontos a atender suas necessidades.

A Fastdezine entrega o melhor valor a seus clientes.

Uma vez que absorvemos a demanda produtiva, os departamentos de Marketing, podem se concentrar em seu verdadeiro trabalho: consultoria e estratégia.

Entregamos os projetos dentro de um prazo e orçamento pré-determinados e com a garantia da qualidade necessária, mesmo que com alta demanda. Isso se dá, pois, trabalhamos com profissionais, referências em suas habilidades técnicas, e que são supervisionados por um gestor experiente.

Nossos gestores de projetos são especialistas nos trabalhos que gerem. Em cada projeto, eles validam os prazos e fazem o controle de qualidade das entregas, antes de serem apresentadas para o cliente.

Através do perfil comportamental, e histórico de performance de entregas, conseguimos fazer o match do profissional mais adequado para cada tarefa do projeto, e garantir que o time escalado trabalhe bem em conjunto.

Além disso, oferecemos uma plataforma white label para que redes de lojas e pontos de venda possam submeter seus pedidos com estimativas automatizadas, possibilitando a validação do departamento de marketing do Headquarter da empresa e garantindo o padrão da marca em todas as entregas.

A Fastdezine é uma C-Corp nos Estados Unidos, com sede em Delaware, EUA, com filiais no Brasil e em Portugal (atendendo a Comunidade Europeia).

Temos capacidade para atender altos volumes de produção, à preço competitivo e qualidade. Isso se dá, graças ao nosso modelo de negócios baseado em outsourcing e em, parte, o crowdsourcing – ou seja, a união de experts durante um projeto para agregar seus conhecimentos com o propósito de desenvolver as melhores soluções.

Deixe a produção e gestão das peças de Marketing conosco e garanta que seu time tenha tempo para focar no que realmente importa, ou seja, sua estratégia de negócio!

Posts recentes

Receba mais notícias sobre a fastdezine

Open chat